E já que a gente adora comer (e cozinhar!) aqui vai uma receita deliciosa e relativamente fácil para impressionar seus amigos! Apesar de parecer um prato sofisticado, o risoto (ou risotto) é simples de ser preparado. São muitas as versões que contam sobre a criação desse prato típico da Itália, mas todas afirmam que ele foi criado por acaso, em uma festa de casamento por volta de 1.574. O que muda são as mãos que fizeram o primeiro risoto da história. Entre tantas versões, a mais recorrente é de que o mestre Valério di Fiandra, responsável pelos vitrais da catedral Duomo di Milano teria deixado cair, sem querer, um punhado de açafrão na panela. A segunda versão, diz que ele fez de propósito, por ciúme da filha que estava casando. Outros ainda comentam que foi a mãe dele que preparou o prato para o casamento da neta querida. Ainda tem outra versão que conta que um discípulo de Valério, subornou um cozinheiro para que colocasse o açafrão no arroz. O que ninguém imaginava, é que todos na festa amaram o tal arroz amarelado, surgindo então, o Risotto Alla Milanese! Estórias a parte, vamos a receita, que é o que interessa!
A nossa é um pouco diferente

da tradicional, mas tão saborosa quanto.

A receita abaixo é da jornalista que vos escreve, portanto, é um pouco diferente do vídeo acima…

Ingredientes:

140 g arroz arbório
1/2 taça de vinho branco seco
60 g de funghi seco hidratado
75 g de manteiga
Azeite
sal
salsinha picada
pimenta do reino
1/2 cebola picada
01 dente de alho picado
caldo de legumes
30 g (2 colheres de sopa) de parmesão ralado

Preparo:

Refogue o alho e a cebola no azeite, acrescente o arroz e, em seguida, o vinho. Deixar reduzir e junte o funghi. Cozinhe com o caldo por volta de 20 minutos, até dar o ponto desejado, e acrescente sal e pimenta a gosto. Tire do fogo, junte a manteiga, a salsa e o parmesão ralado. Sirva o risoto em um prato fundo, decorado com manjericão e salsa crespa.

Rendimento: duas pessoas.

Sugestão: para acompanhar, um vinho tinto encorpado.

Imagens e Vídeo: Divulgação