Por Sue Vicentini.

Olá pessoal que acompanha o Closet Blog! Eu me chamo Sue e este é o meu post de estreia por aqui. Espero que vocês gostem, assim eu volto, sempre com uma novidade legal… :)
Hoje vou falar sobre um assunto polêmico para muitos: a modificação corporal, mais especificamente, o piercing microdermal!

Certa vez, eu estava numa feira, dessas que reúnem barraquinhas típicas de vários países, onde vendiam pedras, tecidos, apetrechos diversos, acessórios e afins. Durante o passeio, vi uma moça com um bebezinho no colo. Até aí, nada de especial na história… O que me chamou a atenção de fato, era o quão estilosa aquela moça era! Tinha várias tattoos, todas no estilo old school – nada de moda – era o gosto dela em cheque e ela fazia mostrar o que curtia. A filha dela, loirinha, pele rosada, mais ou menos uns 2 aninhos, coisa mais fofa, vestindo uma t-shirt de banda, que agora não me lembro mais qual era. Logo chegou o marido, também mega estiloso, várias tattoos, pegou a filhinha no colo e saiu andar com ela, fazendo uma brincadeira ou outra.

Aquela moça se aproximou de mim, que estava ali na minha, vendo pedrinhas numa barraca árabe e de repente algo se iluminou nos meus olhos. Não, não estava apaixonada por ela, hehe! O rosto dela tinham duas pedrinhas a mais! MAS QUE RAIOS ERA AQUILO? Era colado, certeza! Sempre tive piercing’s, vivia em estúdios de amigos, virava e mexia estava com uma joia nova no corpo mas, nunca, nunca tinha visto aquilo! Era como uma lágrima abaixo dos olhos mas brilhava muito. Não tive coragem de perguntar o que era, mas falei sobre isso durante dias, até fuçar e descobrir o nome:

PIERCING MICRODERMAL
Depois dessa história toda, estava decidida: iria colocar microdermal nos dois lados do rosto, ou melhor, na fonte! Mesmo descobrindo que, tanto a joia quanto a mão de obra eram bem caras, eu queria colocar. Comprei duas joias idênticas em São Paulo (em 2012 – R$ 90,00 cada, mas hoje em dia deve estar bem mais em conta), voltei para Sorocaba e procurei um Body Piercer que colocasse e que eu sentisse confiança, pelo seguinte motivo…

Sue_Vicentini_Closet_Blog

COLOCANDO MICRODERMAL:
A colocação é uma mini cirurgia (veja AQUI). Se vc tem vontade de colocar, eu sinceramente não te aconselho a sair pesquisando inúmeros vídeos no Youtube, talvez isso te faça desistir. Bom, por ser uma área próxima dos olhos, não rolou anestesia. Não sei dizer se em outras áreas aplicam, mas no meu não teve.
Sangrou bastante. Basicamente, o body piercing faz um furo na sua pele, o suficiente para acomodar o piercing com as hastes (veja foto abaixo), encaixa um lado delas abaixo da pele e depois o outro lado. Dura cerca de 5 minutos. Como coloquei dos dois lados, 10 minutos, os mais longos da minha vida!
E SIM, DÓI MUITO. DÓI PRA C*¨$%#. O meu sangrou um pouco, mas quando me olhei no espelho já estava limpinho! O processo é mais ou menos assim:Microdermal-ou-Dermal-anchor

Buenos, desde que furei, raramente alguém conversa (de primeira) comigo olhando nos meus olhos. Ou olham para a esquerda ou para direita com cara de “mas que p0%#@ é essa?”, isso quando não perguntam já de cara.

AS PERGUNTAS QUE MAIS FAZEM:
– Escuta, isso aí (apontando para o canto dos olhos) é colado? – Não, isso “aí” é um piercing.
– Nossa! E dói pra colocar? – SIM. DÓI.
– Mas como que faz pra colocar isso, meu Deus do Céu, é atravessado? – (sim, já me perguntaram isso!) Ele fura e coloca o piercing (respondo isso quando tô bem de saco cheio).
– Aii, mas fica bonito, né?! – É. Agora por favor, eu quero um big mac com batat…
– E onde você colocou? – No body piercing endereço tal, com fulano de tal. (¬¬). Por favor, quero o número 1, com suco de…
– Mas moça, não sai? – SE VC BATER, ELE SAI. (¬¬¬¬¬¬¬)
– E agora não dói mais? – Não! Cancela o meu pedido.

Sim, já aconteceu muito isso. E disso pra pior!

Mas vamos lá, vou ser legal com vocês! ♥♥♥

– Dói pra colocar. Dói bastante. Muito! Apenas.
– Se bater, ele sai! Pula pra fora e fica um buraquinho bem feinho no seu rosto!
– Praticamente nunca cicatriza, por ser uma área que leva maquiagem, travesseiro, cabelo, toalha e namorado sem noção, ele sempre está sensível.
– Fica lindo! Mas se não tomar cuidado, carrega o visual. Depende do que você quer…
– A maioria das pessoas colocam de um lado só, no canto da maçã do rosto. Fica parecendo uma lagriminha. Bem cool também!
– Não, a agulha não pegou no meu cérebro.
– Corre risco da pele não aceitar e mandar embora. Fazer o quê.
– Eu coloquei com o Gustavo, do Second Skin. Ele foi mega atencioso, explicou certinho o processo e todos os cuidados do pós e me atendeu uma emergência, super de boa (quando meu micro desrosqueou e eu não consegui colocar de volta). Falem de mim, mas como coloquei no final de 2012, pode ser que ele nem saiba quem eu sou mais! Hehe
– Tem gente que coloca em várias partes bacanas. Como nas fotos abaixo!

É isso! Se pintar mais alguma dúvida, coloquem nos comentários que eu respondo de boa! XD

Sobre a colunista: Sue ama praias, música e animais em especial, os dogs! Publicitária, inquieta e tenta ser saudável nas horas vagas!

Imagens: Sue Vicentini – Arquivo / Divulgação.